01/07/2019 às 11h41min - Atualizada em 01/07/2019 às 11h41min

Jô Maloupas lança lyric com menção à mitologia grega e combate ao machismo

Reforçando o legado da sua origem “grega” a rapper enfatiza que irá usar muitas metáforas da mitologia em trabalhos futuros. Além disso, afirma que letrada música “De Repente” trata-se de uma cutucada na ferida dessa nova geração do rap.

Thais Siqueira
Divulgação Facebook Jô Maloupas
A rapper, articuladora sociocultural e integrante do grupo de rap feminino, Odisseia das Flores, Jô Maloupas lançou na ultima sexta-feira, (28), o Lyric da música “Deu Repente”, que faz parte do seu trabalho solo. Filha de um homem grego com uma brasileira, Jô busca enaltecer em seu trabalho o resgate da identidade e árvore genealógica de sua família. “Deu Repente” traz uma mistura da levada do rap com batida dançante do forró. Já a composição da letra ressalta a ancestralidade grega da rapper, com menção a mitologia grega, suas histórias e o combate ao machismo.  

“A família da minha mãe é de Pernambuco, mas ela e seus irmãos nasceram no interior de São Paulo. Com isso, o forró sempre foi muito presente em nossas vidas. Minha trajetória no rap completa exatamente 14 anos de estrada, com letras que trazem reflexões e provoca as pessoas a repensar conceitos, porém, faltava uma música dançante que falasse diretamente com os meus familiares, como sei que eles amam música caipira, nordestina e suas vertentes, resolvi inovar”. Enfatiza Jô Maloupas.

Reforçando o  legado da sua origem “grega” a rapper ressalta que irá usar muitas metáforas da mitologia em trabalhos futuros. Além disso, afirma que os trechos da letra “Nessa mitologia não vim pra ser nova Hera” e "Vou te levar pro Olimpo, quem reina aqui são as Deusas”, trata-se de uma cutucada na ferida dessa nova geração do rap. “Não sou como a Hera (deusa grega - mulher de Zeus) que é uma mulher submissa a um homem infiel e porque dentro desse contexto Rap / Hip Hop (nova geração) não faço parte dessa "ERA" de Mc´s likes de ouro, que vive de Views, tretas e status. Definitivamente, não estou aqui para ser Nova Hera. O propósito aqui, é de provocar essa sociedade patriarcal, que sempre subjuga as mulheres. Mas aqui não tio, nesse Olimpo do século XXI, as mulheres estão ocupando os espaços sim e terão que nos respeitar”.
 
Trecho da Letra “De Repente” e seu significado:
Porque além da Lenda, nosso canto (de todas as mulheres - nosso grito, nossa marcha, nossa emancipação) é da Sereia! (aquela mesmo que enfeitiça e te engole) 
Não se iluda com a imagem e não se iluda com a aparência (Estamos Vivas, Lute como uma garota Jogue como uma garota e Rime como uma garota) 
 
Confira o vídeo!
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »