21/11/2014 às 14h47min - Atualizada em 21/11/2014 às 14h47min

Festival DoLadodeCá: Vila Fundão x Inajar

POR: Juca Guimarães e Renata Asp

 

O sábado (22) será marcante para o futebol de várzea de diferentes periferias. Nesse dia, dez times irã se enfrentar na primeira rodada do Festival DoLadodeCá. O quarto jogo será entre o Vila Fundão e o Inajar de Souza. Um tem suas raízes fincadas no rap e o outro no carnaval. As duas equipes jogam às 17h30.

 

O Vila Fundão foi formado por jogadores remanescentes do time Vida Loka, formado pelo rapper Mano Brown, que era da mesma região e chegou a disputar campeonatos por dois anos. Depois que time parou, o Neguinho Emerson decidiu fundar o Futebol e Rap Vila Fundão. É o primeiro time de várzea que tem rap até no nome. Uma característica forte do time é a ação social. A sede da equipe é um centro cultural importante no bairro e desenvolve diversos projetos. São saraus de poesia, aulas de capoeira, dança e rodas de samba. A quermesse do time também é muito tradicional.

O time tem uma torcida apaixonada. A camisa laranja e preta do é vista em diversas quebradas da cidade. O time joga no esquema do 4-4-2, mas pode mudar durante o desenrolar da partida para surpreender o adversário.

 

O time Inajar de Souza está nos campos de várzea desde 1978, mas além do futebol a equipe também quis garantir o samba no pé. Faz nove anos que o time fundou seu bloco carnavalesco.

Para interagir mais com a comunidade, em 2005, o time abriu dois escolinhas de futebol, a Inajar e a Só Gandaia. As pequenas instituições de ensino também têm curso de percussão para as crianças não deixarem o samba morrer na comunidade.

A equipe diz que a garra e união são coringas para sempre ultrapassar o placar perante o adversário. “Somos uma grande família e o que marca nosso futebol é que não existe ‘eu’. Aqui, para tudo, somos ‘nós’.”, diz Galo do Inajar, presidente do time. Para a equipe, nenhuma dificuldade pode impedir sucesso nos jogos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »